Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

27
Nov18

HELENA FIGUEIREDO - A PROMESSA

 

 

 

Disseste que vinhas

carregado de fragrâncias
sedas raras dos mercados da Abissínia
purificado nas margens do Jordão
serias oferenda de um deus em meu regaço.

Disseste que vinhas

prometeste dar-me a beber teus lábios
plantar palmeiras no caminho dos meus passos
construir um castelo encantado
e uma fonte povoada por luzentes rouxinóis.

Vi um caminheiro de rasas sandálias
alumiado de lua cheia,vagueando...

Se forem teus pés que sangram no deserto
espalha aos quatro ventos teu bornal
embarca numa nau que busque o nada
sem leme ou bússola, desgovernada
e atraca sem demora em meu quintal.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Mais sobre mim