Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

25
Ago19

LEONOR SOBRAL - A ÁRVORE DE MAGDALA

 

 

 

Ele nada pode contra a beleza

da terra adubada e dos frutos

a brotarem na primavera.

Ele nada pode contra os pássaros

a fazerem dormitório na sua árvore mais bela.

Ele nada pode contra o caminhar

dos ramos em direção ao sol.

 

Há nele uma vontade escondida

como a de matar a árvore

─a invocada de mais querida−

pelo brilho a escurecer-lhe a casa

pelo aroma do perfume azulado

 não alcançado.

─Há morte por toda a terra

com a serra

há morte com o machado

há morte com os venenos

há morte com as mãos─

 

Apesar dos seus bens-de-fala

ele nada pode contra a árvore de Magdala.

 

(Maio de 2019)

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Mais sobre mim