Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

04
Nov18

PATRÍCIA LINO - GENERAL EVALUATIONS

 

 

Número de poemas publicados: 0

Consultas no terapeuta: 24

Estado geral das coisas: excesso de louça na pia

a falta permanente de um cão

uma das pernas a direita adormecida

outra língua inveterada pelas manhãs

 

Há dias úteis em que o coração bate mais depressa

outros em que o coração bate mais devagar 

Não importa o que possa fazer eu com as mãos 

se fecho os olhos aperto o ar ou se me inclino

O coração há de sempre bater mais depressa

ou mais devagar

 

O nome do cão que me falta é Argos

A beleza íngreme do canto XVII, para que servem os clássicos

de que servimos nós uns aos outros, e o amor

 

Quando me inclino para acelerar ou abrandar a batida do coração

costumo fazê-lo para a frente, 90 graus tortos 

porque não tenho elasticidade

Há quem chegue e pergunte: dói? 

Há quem chegue e diga: dê meia volta

E me pontapeie

 

E há tanta graça na paronomásia 

que todas as minhas conversas na terapia

são paranomásicas

 

A minha antiga partner sofria de psicopatia folia enguia esguia engolia todo o meu amor próprio 

Não havia maneira eira grosseira de não estar à beira de um buraco 

Ah buraco sapato caco tantas modos psicanalíticos de definir buraco

 

DIGA QUAL É PARA SI A IMAGEM MAIS ADEQUADA:

 

xyz.gifpl.gif

 

pl.gif

 

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Mais sobre mim