Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

03
Ago18

RONALDO CAGIANO - RUÍNAS

Cadáver de um prédio

corpo inconcluso

organismo em ruínas

apedrejado pela incúria pública

 

Contemplo o esqueleto de cimento

contrastando com a opulência da avenida feérica

com suas vísceras à mostra

como um cão faminto

sem força para rosnar

 

sem alma

sem nada

 

desossada estrutura, palavra

 

sem cal

nem mal

 

Lugar sem nome

vazio que se impõe

 

ovário vertical germinando indiferenças

túmulo de histórias

 

Apenas um espantalho inútil

na lavoura de espantos da metrópole

 

passam por ti os homens

não se movem

nem têm medo