Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

26
Out18

SEBASTIÃO BELFORT CERQUEIRA - EMBARCADO OU UM POEMA PIROSO

Se eu embarcasse

Chorava

Ia morrer de saudades

Como se fosse possível

 

Ia gostar da mulher

Que não me serviu em terra

 

Não ia ver o desnível

 

O mar é todo a direito.

 

Se eu embarcasse

Algum dia

Sei prever a dor no peito

Que o horizonte daria

Como se fosse hoje aqui

 

Se eu embarcasse

Esquecia

As razões todas que tenho

Para esquecer-me de

 

Como se fosse possível.

 

 

in  Monda (por publicar)

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Mais sobre mim