Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

20
Mai19

ADÃO CONTREIRAS - AS PALAVRAS VÊM DEPOIS

 

 

Teu corpo

Uma luz que reverdece

                            matéria e cansaço

Uma aranha de dúvidas

                           animal reverberando no azul

Doença com alegria e chuva

                           espaço dilatado

 

 

Uma coisa assim, o corpo

                        ninho incolor

Fibra ruinosa e quente

                        lençol doído de véspera

Uma coisa assim, dedo

Que aponta

                        lua de mel e gripe

 

 

Cantar o corpo

O cinzento amolecido das manhãs

                         dor perfeita com voz

Lençol amachucado sem flagelos

                        dilúvio singelo de sons

Teclas  do amanhecer

                        vigília sonora

 

As palavras vêm depois

                     e  acende, uma coisa assim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Mais sobre mim