Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

01
Mai20

ADALBERTO ALVES - POR ENTRE SILÊNCIO E SOLIDÃO

 
por entre o silêncio e a solidão,
em que tudo ganha seus limites,
avisto as fronteiras imprecisas
como pregas entre vida e morte.
 
e cruzo essas vastas alamedas
-memória que me tenta e cerca-
buscando ser apenas o que sou.
 
uma imortalidade me segreda
que espere sereno pela vida
sem nada nem ninguém temer.
 
e vejo que o Universo é a casa
deixada na hora em que nasci
e que Infinidade é a brasa
em que tudo arde e  sorri.
 
Adalberto Alves, de "Emergência" (em finalização) 
Abril de 2020
 
 
 
 
 
 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Mais sobre mim