Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

13
Nov19

J. CARLOS TEIXEIRA - "JONAS,..."

 

jonas,
voltaste hoje a Israel.
era já noite e
bem sabes que
depois das dez
o silêncio jurídico do teu prédio
proíbe
banho, água, sabão azul.
depois das dez,
és sempre essa
coisa suja e ruim em
repouso aristotélico,
bactéria verme e impureza

jonas,
queria lavar o teu corpo uma
última vez

talvez esteja demente
quando te digo que
passo as minhas tardes
com os rebanhos do mar,
alimentando nas rochas
a minha lembrança do teu banhar
em humidade corrompida
e águas cervicais

jonas,
a vontade aperta-me as escamas
e as ondas queimam como o ar.
espero-te três dias e três noites e
peço-te
que voltes comigo
para celebrar o batismo
da primeira traição



(poema publicado originalmente em tradução para o espanhol
na antologia “Lluvia oblicua – Poesía portuguesa actual”
)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Mais sobre mim