Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

25
Mar19

JULIA RAIZ - PEDIR P/ QUEM LÊ A CABEÇA DE QUEM SE AMA

 

 

 

[2 enquanto 3]

 

observando homem com uma garrafa de corote na mão

 

praça zacarias fim de tarde céu nada

 

viu eu te enganei – falou p/ pomba – não dá pra pensar em tudo

 

a gente tem que calcular a força – p/ quem tava passando por o público – se não eu matava ela a gente é humano tem muita força

 

não gosto de pegar elas no ar mas no chão

 

querem que eu fale como era no tempo de roma soldados atacando e a gente correndo que nem gado – encena a fuga

 

objetivo: não estar mais ali

 

 

[1 enquanto 2]

 

vacas comendo o outdoor de uma churrascaria na beira da estrada

 

trabalhadora volta pra casa de ônibus não reconhece o caminho

no pasto à esquerda vacas trepam na estrutura de um outdoor vazio

comeram a propaganda mas logo adiante um ainda inteiro

costelão 24 horas

 

baita mulher no espeto pingando

herbívoras e trabalhadora lutam a favor de desmancharem-se

 

 

[3 enquanto 1]

 

trabalhadora volta pra casa de ônibus passa pela praça general carneiro

homem grita p/ pomba te enganei você não pode pensar em tudo

quer ver como era em roma

assiste homem tropeçando na garrafa de corote

 

trabalhadora do tamanho de uma vaca

homem do tamanho de uma pomba

se esforçam pela despersonalização 

 

 

 

 

 

 

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Mais sobre mim