Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

07
Set19

LICÍNIA QUITÉRIO - O SILÊNCIO INVADIU A MANHÃ DE DOMINGO

 

O silêncio invadiu a manhã de domingo
ainda que não seja domingo.
O silêncio tornou-se um velho demente
à procura do calendário.
O seu hálito mata as abelhas que se atrevem a zumbir,
ainda que não seja domingo,
nem esta a estação das abelhas.
A mãe do silêncio tem um nome
que só se escreve com o pó das botas dos tiranos.
Este silêncio pariu um ovo e o ovo pariu um bicho
e o trabalho do bicho é abocanhar as manhãs de domingo
e não lhe importa
que não seja domingo.
O que ele quer é calar o zumbido de uma abelha
que resiste numa sala de luz,
além,
muito longe do território do silêncio.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Mais sobre mim