Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GAZETA DE POESIA INÉDITA

Espaço dedicado à divulgação de poesia original e inédita em língua portuguesa.

GAZETA DE POESIA INÉDITA

02
Mar20

PEDRO ÁGUAS - DILAM DILAM DIZ O VIOLÃO

 

Agora isto parece uma máquina de escrever!
Um novo tipo de letra, um diazepam,
e é ver a coisa dar-se. Eu ainda sou do tempo
das máquinas de escrever, e teclar

neste computador moderno
dava-me uma letargia de morto-vivo
que parecia não ter remédio. Mas agora sim!
Agora posso imaginar que sou jovem outra vez.

Mas oh, sim, que cruel ilusão!
A vertigem monstruosa, a esquizofrenia aguda!
Ultrapassar sem dor, manter as aparências…
E regressar ao teclado, reflexivo, curado.

Agora isto parece uma máquina de escrever!
Tac tac tac, poesia?, o que é isso?
Farófias!
Não há metafísica no mundo senão farófias!

Não era bem assim q dizia o Pessoa, pois não?



















Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Mais sobre mim